Natação para Bebês
dezembro 22, 2017
Esporte na infância: a importância do incentivo saudável
agosto 13, 2018
Exibir tudo

“Atividade aquática e saúde”

Com certeza você já ter ouvido falar que a natação é um dos esportes mais completos e uma forma prazerosa e divertida de praticar atividade física não é?…

A Natação desperta a sensação de bem estar e relaxamento, mas também possui inúmeros benefícios à saúde. Vamos conhecer alguns desses benefícios.

Para o Sistema Respiratório: Fortalece os músculos da região torácica ampliando a capacidade dos pulmões e ainda auxilia no tratamento da asma devido a umidade do ambiente em que se pratica a atividade.

Para o Coração: Estimula a circulação sanguínea, fortalece a musculatura cardíaca eliminando a gordura da região diminuindo o risco de problemas cardiovasculares.

Para as articulações:  Por ser uma atividade livre de impactos, os movimentos  na água permitem uma soltura das articulações e mantém os ligamentos lubrificados e resistentes aliviando as dores resultantes de algumas patologias como a artrose e a fibromialgia.

Efeitos psicológicos: Melhora a auto-estima, gera um sentimento de liberdade, independência e segurança dos movimentos corporais, liberando assim uma substância chamada endorfina que gera a sensação de bem estar e também é uma atividade “anti-stress” porque exige concentração na coordenação dos movimentos, fazendo com que o praticante esqueça por um momento os problemas do dia a dia enviando involuntariamente os efeitos positivos da atividade ao organismo.

A Natação é uma atividade aeróbia, por isso auxilia na diminuição do colesterol ruim (LDL)  e aumenta o nível de colesterol bom (HDL) além de diminuir os índices de diabetes a partir do gasto calórico, que vai depender da intensidade da prática durante a aula. Essa atividade também trabalha a força muscular através da resistência da água durante os exercícios.

A importância da natação nas fases da vida:

Bebê: Melhora o sono e a coordenação motora básica, estimula o apetite, previne as doenças respiratórias comuns na primeira infância, ajuda na resistência muscular do bebê além de ser uma segurança para possíveis quedas em piscinas.

Crianças: Melhora o desenvolvimento neuromotor, resistência cardiorrespiratória, desenvolve a disciplina, a sociabilidade e a autoconfiança.

Adolescentes: Promove naturalmente uma melhora na sociabilização, na auto estima , na formação da personalidade, na prevenção dos problemas respiratórios e ajuda a evitar problemas posturais na chamada fase puberal.

Adultos: Previne doenças futuras como a osteoporose, obesidade, evita problemas articulares decorrentes de esforços repetitivos por ser uma atividade sem impactos proporcionando resistência muscular.

Idosos: A aulas de natação são ideais as pessoas da terceira idade, pois além de ser uma atividade sem impacto ajuda a fortalecer a musculatura, reduzir a perda de massa óssea, prevenindo a osteoporose e reduzindo o risco de quedas.

A Hidroginástica também possui inúmeros benefícios à saúde e ao contrário do que as maiorias das pessoas pensam, pode ser praticada por qualquer idade e o resultado irá depender da intensidade dos movimentos.

No envelhecimento é normal a redução de massa óssea e muscular, a diminuição da coordenação motora, a perda de equilíbrio e algumas outras modificações genéticas. A prática da hidroginástica pode beneficiar a melhora ou a manutenção das disfunções normais da idade, através dos movimentos ritmados e intensos no intuito do ganho de força melhorando assim o equilíbrio desenvolvendo tônus muscular.

Na Acqua Fitt Saúde e Bem Estar, os alunos na fase infantil, são divididos por níveis de aprendizagem e cada educador físico trabalha com um grupo de alunos, o conteúdo especifico do nível seguindo a metodologia de ensino vigente em nossa instituição.

Nosso Instituto visa em primeiro lugar a saúde e o bem estar. Cliente saudável é aluno feliz!!!!!!!

ALERTA!

A SOBRASA (Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático), relata que 53% dos óbitos por afogamento na faixa de 1 a 9 anos de idade são em piscinas”. Nos períodos de férias esse índice aumenta pela falta de cuidados básicos e a falta de prevenção dos acidentes.

Senhores pais, oriente seus filhos dos perigos da água; as crianças devem estar sempre acompanhadas por um adulto, utilize bóias de segurança se a criança não possui domínio aquático, mas mesmo assim mantenha-se próximo; não deixar a criança entrar na água após as refeições; em ambiente com piscina, certifique se há portão de segurança fechado ao acesso a piscina; cuidado com bordas de pedra e escorregadores, sempre auxiliar nos saltos e  na utilização dos brinquedos próximos as piscinas.

“Prevenir é melhor do que chorar uma desatenção… o afogamento é silencioso!”

Jussara Cristina Alves CREF 13.570-SP

Licenciatura Plena em Educação Física (UMC); Pós graduação em Atividades Físicas Adaptadas e Patologias (FMU); Especialista Alongamento,  Natação para Bebês e Hidroginástica (FMU); Professora e Líder de Equipe no Instituto Acqua Fitt Saúde e Bem Estar desde 1999.